terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Ingresso para quê?

Ela o encontrou na saída do trabalho. Juntos subiram a Augusta. Milhares de quadras e uma subida até a Paulista. Duas batatas assadas recheadas com provolone, carne seca e manteiga temperada na dela. Para o metrô. Linha verde, tranquila. Linha azul, "Que sorte mandaram um metrô vazio bem na nossa vez." Desceram na linha vermelha, Sé. Praça cheia. Informações com os policiais. Chegaram. Prédio lindo. Fila para ver Karina Buhr e Cidadão Instigado. Fila de espera? Para possíveis desistentes? Ingressos esgotados. "E agora?" Estação vermelha, linha azul e verde. Pés inchados. Jogados no sofá. Um colo gostoso para assistir a Melina boazinha conquistar o Mauro. Ah, o brigadeiro! ¬¬

2 comentários:

  1. O show... éra só um detalhe, o mais importante éra a companhia da pessoa mais especial do mundo, a mulher que eu amo!

    ResponderExcluir
  2. oinnnn... <3 <3 <3
    PS: obrigada pelo dia!

    ResponderExcluir

Você não pode ter medo de um vegetal! (por Baby Patolino)